terça-feira, 2 de junho de 2009

NÃO CORTEI, NÃO!








Atendendo a pedidos, informo que não, não foi dessa vez que cortei o cabelo do jeito que tava querendo.

Vontade (e incentivo) foi o que não faltou, mas a palavra final ficou por conta por quem manda em mim: a Lara. E ela disse "nem pensar". Sabe como é, Tia Coruja não costuma ser desobediente.

Então, continuo com o cabelo normalzinho...