quarta-feira, 3 de novembro de 2010

SEJA BEM-VINDO, TSUNAMI.

Ando sumidinha do blog, né? Muitos assuntos pra resolver, pouco tempo pra escrever, mas tudo bem. A vida não é do jeito que a gente quer. Mas às vezes ela nos traz umas surpresas agradáveis e eu fui premiada com uma agradabilíssima. Sem entrar em detalhes, digo apenas que um "Tsunami do bem" invadiu minha vida, meu mundo e que estou feliz pra caramba!


"Assim que vi você

Logo vi que ia dar coisa.
Coisa feita pra durar,
Batendo duro no peito
Até eu acabar virando
Alguma coisa
Parecida com você.
Parecia ter saído
De alguma lembrança antiga
Que eu nunca tinha vivido,
Mas ia viver um dia.
Alguma coisa perdida
Que eu nunca tinha tido,
Alguma voz amiga
Esquecida no meu ouvido.
Agora não tem mais jeito:
Carrego você no peito,
Poema na camiseta
Com a tua assinatura.
Já nem sei se é você mesmo
Ou se sou eu que virei alguma coisa tua"
(Coisa Tua - Alice Ruiz)